+55 11 5643-0611

Avaliação de treinamento: saiba como testar seus colaboradores

12/07/2018

Como você faz para compreender se todo o seu esforço em educação corporativa vem surtindo efeito? Ou seja, de que forma é medido o desempenho dos colaboradores, após tanto conhecimento repassado?

A resposta está na avaliação de treinamento, a maneira mais eficiente de testar profissionais e equipes no sentido de conhecer se realmente estão aplicando, no dia a dia, o que aprenderam nos cursos online ou no blended learning.

Criar testes capazes de avaliar o desenvolvimento de competências e habilidades possibilita entender a fundo se os seus funcionários absorveram aquilo que precisam saber e/ou executar.

Neste artigo você vai conhecer a importância de testar efetivamente os seus colaboradores, no contexto da gestão do conhecimento.

Mais do que entender o avanço de um profissional em um módulo ou se ele participa de fóruns de discussão, por exemplo, a ideia aqui é apresentar por que é extremamente importante avaliá-lo no âmbito da prática, no objetivo essencial do e-learning, que é aplicar o treinamento e desenvolvimento em prol dos resultados da empresa.

Como fazer um questionário de avaliação de treinamento

Após a conclusão de um curso online, chega a hora de avaliar as competências e habilidades. Existem diversas formas de testar esse conhecimento adquirido: questionários dissertativos, de múltipla escolha e até mesmo atividades práticas, por exemplo.

A ideia é que você adapte o seu tipo de teste pela resposta que queira coletar no final. É preciso combinar os objetivos de aprendizagem com os seus testes.

Um dos itens mais importantes a se pensar: as perguntas das suas avaliações devem corresponder o mais próximo possível dos comportamentos que você deseja que os funcionários tenham na rotina de trabalho.

Vale também um alerta. Se você planejar as suas trilhas de conhecimento antes da criação dos testes, vai correr o risco de deixar de lado algo que você gostaria de avaliar. A dica é pensar, junto com o designer instrucional, a melhor forma de desenhar os cursos já com foco em como será a avaliação posterior.

O processo de e-learning, do planejamento aos resultados, é complexo e, muitas vezes, custoso. Por isso, é bem importante criar testes que venham ao encontro das expectativas da empresa.

Como saber se a avaliação de treinamento está funcionando

Após a implementação e execução, você poderá coletar informações e percepções dos alunos sobre a qualidade dos testes aplicados.

Esse levantamento pode ser tanto qualitativo como quantitativo. Por exemplo, você pode criar uma nota, somando a avaliação dos participantes, ou ainda ouvi-los para entender quais foram os possíveis gaps de conhecimento identificados. Conheça algumas opções:

- Reações verbais de funcionários durante os testes;

- Pontuação média no teste;

- Escala de pontuação para o teste;

- Porcentagem de trabalhadores que passam e falham;

- Porcentagem de alunos que nunca terminam o teste;

- Perguntas que todos acertam;

- Feedback verbal pós-teste, com escalas de classificação.

Escutar colaboradores e obter esse retorno detalhado da aplicação de testes vai fazer, ao longo do tempo, que as suas avaliações de treinamento sejam cada vez mais certeiras.

É uma ferramenta relevante para reavaliar os conteúdos produzidos e alterar a rota de aprendizagem no meio do caminho. Afinal, ofertar material de treinamento é uma prática que nunca pode parar.

Essa etapa de feedback deve ser encarada como parte do processo de treinamento e desenvolvimento. Só assim você produzirá cursos que exijam menos esforço, mas, ao mesmo tempo, entreguem mais efetividade.

Conclusão

Fazer a avaliação de treinamento em forma de testes dará a velocidade que a sua empresa necessita para tomar decisões, seja na hora de novas contratações, desligamentos ou ainda mais investimento em T&D.

Com as informações coletadas nos testes, instrutores, designers instrucionais e gestores passam a ter uma visão do que realmente funciona ou do que deve ser repensado na educação corporativa.

Também não adianta investir pesado em treinamentos que não estejam surtindo o efeito esperado. Alto custo, se não justificado, é um dos piores inimigos de qualquer empresa. Por isso, compreender quais são os melhores testes (e como são recebidos pelos colaboradores) faz total sentido.

Deu para entender por que as avaliações são tão importantes nos processos de e-learning? Compartilhe, nos comentários, as suas experiências. Conte quais são as suas dúvidas, dificuldades ou dicas na aplicação de testes na sua empresa.

Equipe Take 5
www.take5.com.br