5 Tendências do Aprendizado Corporativo em 2017

5 Tendências do Aprendizado Corporativo em 2017

abril 18, 2017 in Educação Corporativa, Tendência

Com a evolução do mercado de trabalho, guiada principalmente pela internet e a introdução de novas tecnologias, hoje há cargos e funções que não existiam a alguns anos atrás, como analistas em mídias sociais, gerente de marketing digital e tantos outros que envolvem diretamente o uso de dispositivos que fazem parte do nosso dia-a-dia.

A dúvida que ronda muitas empresas é de como fazer a educação corporativa e treinamentos acompanhar esse desenvolvimento e demanda de forma rápida e eficiente. Hoje trazemos um pouco do panorama da educação corporativa atual e 5 tendências para 2017.

Panorama atual do aprendizado corporativo

Muitas das grandes e médias empresas estão em fase de implementação ou já adotaram completamente algumas ferramentas e abordagens de treinamento trazendo benefícios a médio e longo prazo. Antes de escolher uma abordagem de treinamento é interessante verificar o que já está sendo utilizado e o que traz retornos mensuráveis. Do que já tem sido aplicado atualmente, as principais metodologias que agregam valor e ainda poderão ser muito bem utilizadas, são:

Mobile Learning

A adaptação da aprendizagem a smartphones, tablets e dispositivos móveis, através de aplicativos, tem crescido muito nos últimos 5 anos. A disponibilidade de treinamentos e do ensino em multimeios tem encaixado bem com a rotina atual e diminuído custos para as empresas que não veem problemas em investir nessa abordagem. Além disso o mobile learning, aproveita-se do tempo livre dos colaboradores, motiva por sua flexibilidade e garante a atualização tecnológica da empresa.

Gamificação

O impacto da gamificação no aprendizado corporativo já tem mostrado resultados práticos e continua como uma abordagem extremamente eficaz quando bem aplicada. Seu alto poder de engajamento e receptividade é o que faz dessa abordagem uma das mais exploradas pelas empresas que atuam em vendas e institutos de ensino. Para saber mais sobre gamificação acesse nossa série de posts aqui.


Vídeos online e interativos

A utilização de vídeos para tornar o aprendizado mais empático já tem sido explorada a algum tempo e com a disponibilidade dos vídeos imersivos (ou 360°), a experiência ficou mais envolvente, tornando o expectador mais confiante e poderoso já que esse tem o controle sobre o que será consumido. No meio corporativo, essa ferramenta pode ser aplicada das mais diversas formas, tanto para aumentar a sensação de realidade no treinamento quanto para tornar o aprendizado mais imersivo.

Aprendizado Social e Colaborativo

A Teoria da Aprendizagem Social ou Social Learning vem da década de 1970 e já é aplicada a bastante tempo nas empresas. Com o sucesso das redes e mídias sociais, o social learning ganhou força e a utilização dessas plataformas pode ajudar os colaboradores a  tornarem-se estudantes auto-direcionados, independentes, promover debates e o trabalho em equipe.

Tendências de 2017

O aprendizado online aumentará

Hoje 70% dos estudantes contam com um mecanismo de busca como o Google para estudar e 50 a 60% utilizam cursos online para se atualizar. A utilização de plataformas online para aprendizado vai continuar em alta e sua flexibilidade é um grande aliado na rotina de jovens profissionais como os millenials que são atualmente mais da metade da força de trabalho nas empresas.

Utilização da Realidade Virtual (VR) e Realidade Aumentada para o aprendizado

Com as recentes experiências de jogos utilizando a realidade aumentada para engajar e tornar a jogabilidade mais real, há uma tendência que essa possa ser usada para o ensino e principalmente para o aprendizado corporativo. Apesar de sua viabilidade ainda ser restrita, a realidade virtual poderá ser adotada e bem aplicada em áreas de treinamento onde existam perigos ou insegurança para os colaboradores, como áreas da saúde e segurança, onde o VR poderá simular situações semelhantes aos encontrados em campo.

Métricas de aprendizado serão cada vez mais importantes

A análise de dados e de resultados de aprendizado relevantes ainda é um desafio para os desenvolvedores de ensino pois, cada área e departamento deve definir quais métricas são importantes para o progresso do colaborador e do treinamento. O foco em 2017 será decidir quais resultados são mensuráveis e efetivos para a evolução do trabalho realizado.

A automação vai impulsionar as habilidades interpessoais

Desde a revolução industrial a automação do ambiente de trabalho já está presente nas empresas e essa mudança está migrando para os escritórios e áreas como a saúde e bem-estar, porém as máquinas ainda não conseguem desempenhar bem funções que exijam habilidades interpessoais, que são mais abstratas e pouco mensuráveis como, o pensamento crítico, criatividade e liderança, portanto o treinamento e desenvolvimento dessas habilidades devem ser o foco dos profissionais a partir desse ano.

O conhecimento técnico continuará sendo requisitado pelas empresas

Além de TI e desenvolvimento de software outras competências serão valorizadas e requisitadas em 2017, como visto na imagem abaixo:

Fontes:
Udemy Learning Index Report 2017
E-learning industry: e-Learning trends and predictions for 2017

  • About The Author: User

    More posts by